fbpx

Bem-estar financeiro: Confira dicas para promover

Especialista em bem estar financeiro traz dicas para os brasileiros conseguirem um respiro diante de tanta incerteza
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Designed by @phanuwatnandee / freepik


Com um ano de pandemia, sabemos dos impactos nas finanças pessoais. O cenário da doença tem se agravado muito nos últimos dois meses e junto com as incertezas vieram ainda mais medidas restritivas, que já levam ao aumento do desemprego. 

Rebeca Toyama, especialista em bem-estar financeiro traz dicas para os brasileiros conseguirem um respiro diante de tanta incerteza e instabilidade financeira.

A instabilidade e até a ausência de uma política pública, junto da necessidade do isolamento tem gerado queda de renda e desemprego para muitas pessoas, e esses são fatores que comprometem muito o bem-estar financeiro.

Para a especialista, o tema quando não cuidado impacta a saúde física e psicológica das pessoas, além de agravar o cenário de desigualdade social, como também demonstrou o índice que avaliou o desenvolvimento sustentável de mais de 700 cidades brasileiras, divulgado na última semana pelo Instituto Cidades Sustentáveis em parceria com a ONU.

“A organização da vida financeira é uma das bases do tripé para promoção de bem-estar, mas é preciso lembrar que é comum enfrentarmos diversas crises ao longo da vida, e para passar bem por estes momentos difíceis é necessário buscar um estilo de vida saudável. ”, comenta Rebeca Toyama, especialista em bem-estar financeiro.

De acordo com um estudo do CFPB (Órgão de Proteção ao Consumidor Financeiro dos Estados Unidos), o bem-estar financeiro pode ser definido como um estado de estar no qual as pessoas:

  • Têm controle sobre as finanças do dia a dia, mês a mês;
  • Têm a capacidade de absorver choques financeiros;
  • Estão no caminho para atingir seus objetivos financeiros;
  • Têm liberdade financeira para fazer escolhas que lhes permitam aproveitar a vida.

É importante ressaltar que não existe relação direta entre bem-estar financeiro e renda, mas há uma relação ao significado que se dá ao dinheiro e a forma que se relaciona com ele.

Designed by @phanuwatnandee / freepik

“O bem-estar financeiro também não é algo binário, ‘tenho ou não tenho’, é uma escala que pode ser mais positiva ou negativa, de acordo com o que: eu conheço sobre planejamento financeiro; como eu aplico na minha realidade o que conheço sobre finanças pessoais e qual atitude diária eu tenho com o dinheiro. ”, explica a Toyama.

De acordo com a especialista, é necessário buscar hábitos no cotidiano que desperte a consciência de poupar e entender que mudança de comportamento é algo gradual. Muitas vezes as pessoas não seguem seu propósito por conta da indisciplina financeira, e por isso, acabam abrindo mão de sonhos, justamente por não sobrar dinheiro no final do mês.

“Para melhorar de vida precisamos procurar ajuda e perder o medo de encarar as finanças. Começar com pequenos hábitos e fazer suas escolhas a partir da sua realidade, faz muita diferença.

Você pode e é capaz de mudar algumas coisas para impactar positivamente em seu bem-estar financeiro, afinal já sabemos que imprevistos acontecem. ”, afirma Rebeca Toyama.

E para auxiliar os brasileiros neste desafio, a especialista em bem-estar financeiro, Rebeca Toyama, elaborou 5 dicas para se promover o bem-estar financeiro de forma positiva:

  1. Planeje um estilo de vida alinhado com seus valores pessoais e sua realidade financeira, encontre formas para garantir qualidade de vida sem comprometer suas finanças pessoais;
  2. Preste atenção nas suas emoções, autoconhecimento é muito importante, pois sem ele raramente conseguimos promover as mudanças comportamentais necessárias para ter os resultados necessários;
  3. Tenha objetivos e escolha os caminhos para atingi-los, guardar dinheiro por guardar é muito mais difícil do que ter disciplina para realizar um sonho pessoal ou de uma pessoa querida;
  4. Faça um orçamento familiar, seu saldo bancário ou seu patrimônio é o resultado de uma série de escolhas que quando feitas em conjunto e com antecedência trazem melhores resultados;
  5. Controle suas finanças diariamente, dinheiro é um recurso limitado, como suas 24 horas por dia, portanto, demanda organização. Lembre-se que nossas atitudes no presente trarão resultados no futuro, se positivos ou negativos, dependerá de você

Por Rebeca Toyama



Fonte: Jornal Contábil

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Participe da conversa...

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Você é nossa prioridade.
Sempre!

Acreditamos que todos devem ser capazes de tomar decisões financeiras com confiança. Embora nosso site não apresente todas as empresas ou produtos financeiros disponíveis no mercado, estamos orgulhosos de que a orientação que oferecemos, as informações que fornecemos e as ferramentas que criamos sejam objetivas, independentes, simples – e gratuitas.

Então, como ganhamos dinheiro? Nossos parceiros nos recompensam. Isso pode influenciar os produtos sobre os quais analisamos e escrevemos (e onde esses produtos aparecem no site), mas de forma alguma afeta nossas recomendações ou conselhos, que são baseados em milhares de horas de pesquisa. Nossos parceiros não podem nos pagar para garantir análises favoráveis de seus produtos ou serviços. Aqui está uma lista de nossos parceiros.